quarta-feira, 28 de abril de 2021

ENCANTAMENTO




uma tênue luz,

a noite aquieta

no olhar em rebelião________ os meu tristes ais...


sacrilégio!


roupas espalhadas pelo chão

sapatos adormecidos no jardim feito de ilusões e musicas

de flores  feitas de poesias e poesias de flores...


inflorescências [alienadas] ao encantamento e desprezo

acenam para a lua  um triste adeus

ante o vidro da janela

vidro frio /janela fria

a lua ...

a noite fria...

Um comentário:

  1. Poema sublime que deliciou o meu ego ao ler. Deixo o meu mais fervoroso elogio.
    .
    Abraço poético
    .
    Pensamentos e Devaneios Poéticos
    .

    ResponderExcluir