domingo, 17 de fevereiro de 2013

DEVANEIOS


DEVANEIOS


Onde acordei o meu olhar 
quando tua boca beijava a minha
interrompendo a ausência das horas?
Entrecortadas águas
caídas
nascidas das tuas mãos
no suor das nossas peles...


Meus olhos se fecharam 
Enquanto beijava os teus lábios
Sem horas de partida
Buscava teu néctar
Em uma rosa flor
Acariciando-a
Por sobre o suor de nossos corpos...


Luciah Lopez e Robertson Buse 



Nenhum comentário:

Postar um comentário